Trupe Investigativa Arroto Cênico, de Nova Iguaçu, lança projeto virtual para comemorar cinco anos de trajetória do grupo artístico

agosto 22, 2020 /

 

A Companhia de Teatro Trupe Investigativa Arroto Cênico ,  de Nova Iguaçu , está completando cinco anos de trajetória artística. E em comemoração à data o grupo lançou recentemente o projeto virtual “Dendicasa – Insights Dramatúrgicos”. Na próxima semana, nos dias 26 e 28 de agosto, será lançado a 3° Edição do projeto com o tema “Despedida”.

O projeto visa estimular novas dramaturgias cênicas e propõe o  intercâmbio com atores de diferentes grupos e regiões.

Para cada edição o grupo convida três dramaturgos para desenvolver uma cena curta com uma temática pré-estabelecida. Em seguida convidam atores para fazerem as leituras dramatizadas das cenas que são apresentadas em formato de Podcast. E na sexta-feira de cada edição ocorre uma live com os três dramaturgos mediada pelo ator Beto Monteiro.

Nas três primeiras edições contribuíram com o projeto os dramaturgos Vinícius Baião, Cesário Candhí, Alexandre Damascena, Luiz Henrique Duarte, Leonardo Nolasco-Silva, Rodrigo Lima, Daniel de Mello, Consuelo Nepô e Jonatas Noguel. E dando vida aos personagens estiveram presentes os atores e atrizes Graciana Valladares, Patrícia Acosta, Rodrigo Villas Boas, Juliana França, Ph Silva, Marcia Oliveira, Higor Nery, Junior Melo, Guarnier, Vanessa Revoredo, Matheus Gonçalves, Rohan Baruck, Átila Bee e Samuel Godois.

Em tempos de isolamento o projeto propõe uma aglomeração de ideias e tenta recuperar a atmosfera das antigas rádio-novelas.

Marcaram presenças artistas das cidades de Limeira e Mauá de São Paulo, Patos de Minas em Minas Gerais, Rio de Janeiro e Itaguaí, Nova Iguaçu, Japeri, Nilópolis, Mesquita, São João de Meriti e Duque de Caxias , na Baixada Fluminense.

A edição e a programação visual do projeto  são de Luiz Felipe Machado, na mediação das lives o ator Beto Monteiro, Erick Galvão e Jonathan Silva assumem a Produção e participam atuando nos Podcasts, e na Supervisão Geral o diretor artístico Marcos Covask.

Paulo Cézar

PAULO CEZAR PEREIRA, também chamado de PC ou Paulinho da Baixada, aprendeu jornalismo nas redações de alguns principais veículos – rádios,jornais e revistas. Conheceu, como Repórter Especial do GLOBO, praticamente todos os estados brasileiros, as duas antigas Alemanhas antes da reunificação, Suiça, Austria, Portugal, França, Itália, Bélgica, Senegal, Venezuela, Panamá, Colômbia e a Costa Rica. É casado com Ana Maria e tem três filhas que já lhe deram cinco netos. Tem três paixões: a família, o jornalismo e o Flamengo. No passado, assessorou um governador, um senador, dois prefeitos e vários deputados. Comandou a área de Comunicação de Nova Iguaçu num total de 12 anos. Já produziu três livros : um para a Coleção Tiradentes, outro contando a evolução de Nova Iguaçu quando a cidade completou 170 anos, e o do jubileu de ouro da Diocese de Nova Iguaçu.