Rio tem 28 regiões com risco alto para Covid-19

janeiro 15, 2021 /

A prefeitura do Rio divulgou nesta sexta-feira (dia 15), que 28 regiões administrativas (RAs) das 33 da cidade foram classificadas com risco alto para a transmissão da Covid-19. Apenas cinco regiões são consideradas com risco moderado, dentre elas estão: Rocinha, Complexo do Alemão, Jacarezinho, Maré e Realengo.

As dez novas regiões do município do Rio de Janeiro que entraram na lista de risco alto para contaminação da Covid-19 são: Portuária; São Cristóvão; Ramos; Penha; Inhaúma; Jacarepaguá; Ilha do Governador; Guaratiba; Vigário Geral; e Cidade de Deus. Por terem mudado de classificação, comércios e serviços desses locais sofreram mudanças no funcionamento.

A mudança na classificação altera também o funcionamento do comércio e de serviços nesses locais. De acordo com decreto publicado na quarta-feira (13), as medidas de flexibilização para conter o avanço da pandemia agora são especificadas de acordo com os três níveis de alerta: moderado, alto e muito alto.

Um possível lockdown foi descartado pelo prefeito Eduardo Paes. No entanto, Paes afirmou que haverá fiscalização mais intensa e que as decisões têm sido amparadas pelos especialistas da Secretaria municipal de Saúde. Se houver desrespeito às regras, medidas de flexibilização podem ser revistas, como a liberação das áreas de lazer em espaços públicos.

Confira as restrições para as regiões de risco alto:

– Supermercados, padarias, açougues, peixarias e atividades assemelhadas

.lotação limitada a 2/3 da capacidade
.priorizar entrega em domicílio ou retirada na loja
.ampliar do horário de funcionamento

– Farmácias, drogarias, lojas de produtos médicos, veterinários e assemelhados

.lotação limitada a 2/3 da capacidade
.priorizar entrega em domicílio ou na loja
.ampliar horário de funcionamento

Confira as novas medidas de flexibilização de acordo com classificação de risco nas regiões do Rio

– Bancos e loterias

.lotação limitada a 2/3 da capacidade
.ampliar horário de funcionamento

– Serviços de saúde e de assistência veterinária

. funcionamento normal, mas priorizando atendimento com hora marcada
se possível, a pessoa deve ir a consulta sem acompanhante
ampliar horário de funcionamento

– Asilos e clínicas de repouso

.visitas presenciais proibidas, permitidas diariamente por video-chamadas

O que está permitido

Shoppings e centros comerciais, exceto lojas com entradas independentes estão podendo funcionar com limitação a 2/3 lotação. Já Boates, danceterias e assemelhados podem funcionar com 1/4 da capacidade, porém, a pista de dança deve permanecer fechada.
Lembrando que deve ser observada distância de 2 metros entre as mesas e o público não pode ficar de pé.

Está vedada música ao vivo, entratanto, som ambiente está permitido em volume baixo nos restaurantes, bares, botequins, quiosques da orla e assemelhados. Porém, deverão o distanciamento mínimo de 1,5 metro entre cada conjunto de mesas e cadeiras, tendo no máximo oito pessoas em cada.

As bebidas alcoólicas e comidas só podem ser vendidas para os ocupantes das mesas.priorização de serviços de entrega em domicílio ou na loja

Nas academias de ginástica, piscinas e centros de treinamento
lotação limitada à metade da capacidade, em caso de atividades coletivas, limitação a seis participantes, com exceção para atletas de alto rendimento.

Os cinemas, teatros, salas de concerto, salão de jogos, circo, recreação infantil e pistas de patinação deverão funcionar com lotação limitada a 1/3 da capacidade interna, com ocupação de assentos intercalados, à exceção para pessoas da mesma família

Aloma Carvalho