Primeiro dia de vacinação para maiores de 60 anos geral caos em Duque de Caxias

março 5, 2021 /

Filas quilométricas, aglomeração e desinformação marcaram o primeiro dia de vacinação contra covid-19 p em Duque de Caxias, para maiores de 60 anos. Nove postos de saúde do distrito de Xerém realizaram a imunização e 6.100 doses da vacina foram disponibilizadas para a população, mas, devido a grande procura, que acabaram logo pela manhã.

Duque de Caxias é o terceiro maior município do Estado do Rio, com uma população estimada de 86 mil habitantes acima de 60 anos, segundo o último Censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Das 6.100 doses do imunizante, suficiente para 7% do grupo, cada um dos postos de saúde recebeu cerca 600 doses da vacina. Além disso, como não houve necessidade de apresentar comprovante de residência, várias pessoas de outros municípios foram para Caxias. O que ocasionou um extenso engarrafamento nas ruas da cidade e um trecho da Rodovia Washington Luiz (BR-040).

No posto do bairro Canaã, foram distribuídas 500 senhas para quem estava na fila. Às 9h20, um funcionário avisou que quem não havia recebido uma, deveria voltar para casa. Com dificuldades para se locomover por causa da amputação do pé esquerdo, o diabético Carlos Humberto Farreira Matias, de 69 anos, saiu de casa às 6h e, quando chegou ao local, recebeu a informação que não seria vacinado.

Em entrevisto ao jornal O Globo, o prefeito Washington Reis admitiu que esperava uma grande procura pelas doses, lembrando que a convocação ocorreu por redes sociais e meios de comunicação, mas negou falta de planejamento. “As pessoas estão fugindo da morte. A vacina representa a vida. É a lei da oferta e da procura. Igual à promoção do (supermercado) Guanabara”, declarou o prefeito.

Aloma Carvalho