PoderData: Bolsonaro para de crescer e Lula mantém vantagem

maio 12, 2022 /

Pré-candidato petista se sai melhor entre mais pobres e menos escolarizados; Bolsonaro lidera no Norte e entre os mais ricos

Jair Bolsonaro (PL) parou de evoluir e a distância que o separa de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) ficou estável nos últimos 15 dias, segundo dados da pesquisa PoderData realizada de 8 a 10 de maio de 2022. O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva segue na liderança com 42% das intenções de voto na simulação de 1º turno que inclui uma lista de todos os pré-candidatos já anunciados. O presidente Jair Bolsonaro está com 35%. A distância entre os 2 pré-candidatos oscilou para 7 pontos percentuais. Nas rodadas de 24 a 26 de abril e de 10 a 12 de abril, essa diferença se manteve em 5 pontos percentuais.

O ex-governador do Ceará Ciro Gomes (PDT) vem na sequência com 5% das intenções. Embolados, aparecem João Doria (PSDB), com 4%; André Janones (Avante), 3%; e Simone Tebet (MDB), 2%. A margem de erro da pesquisa é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos. Eymael (DC), Leonardo Péricles (UP), Luciano Bivar (União Brasil), Luiz Felipe D’Ávila (Novo), Pablo Marçal (Pros), Sofia Manzano (PCB) e Vera Lúcia (PSTU) não tiveram menções suficientes para chegar a 1%.

A pesquisa foi realizada pelo PoderData, empresa do grupo Poder360 Jornalismo, com recursos próprios. Os dados foram coletados de 8 a 10 de maio de 2022, por meio de ligações para celulares e telefones fixos. Foram 3.000 entrevistas em 288 municípios nas 27 unidades da Federação. A margem de erro é de 2 pontos percentuais. O intervalo de confiança é de 95%. O registro no TSE é BR-08423/2022.Para chegar a 3.000 entrevistas que preencham proporcionalmente (conforme aparecem na sociedade) os grupos por sexo, idade, renda, escolaridade e localização geográfica, o PoderData faz dezenas de milhares de telefonemas. Muitas vezes, são mais de 100 mil ligações até que sejam encontrados os entrevistados que representem de forma fiel o conjunto da população.

Paulo Cézar

PAULO CEZAR PEREIRA, também chamado de PC ou Paulinho da Baixada, aprendeu jornalismo nas redações de alguns principais veículos – rádios,jornais e revistas. Conheceu, como Repórter Especial do GLOBO, praticamente todos os estados brasileiros, as duas antigas Alemanhas antes da reunificação, Suiça, Austria, Portugal, França, Itália, Bélgica, Senegal, Venezuela, Panamá, Colômbia e a Costa Rica. É casado com Ana Maria e tem três filhas que já lhe deram cinco netos. Tem três paixões: a família, o jornalismo e o Flamengo. No passado, assessorou um governador, um senador, dois prefeitos e vários deputados. Comandou a área de Comunicação de Nova Iguaçu num total de 12 anos. Já produziu três livros : um para a Coleção Tiradentes, outro contando a evolução de Nova Iguaçu quando a cidade completou 170 anos, e o do jubileu de ouro da Diocese de Nova Iguaçu.

[ivory-search 404 "The search form 61543 does not exist"]