PF realiza operação contra desembargadores do TRT-RJ em desdobramento de operação que afastou Wilson Witzel

março 2, 2021 /

O Ministério Público Federal (MPF) e a Polícia Federal (PF) realizam na manhã desta terça-feira (2) uma operação que tem como alvos desembargadores do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) e advogados ligados ao governador afastado, Wilson Witzel (PSC). A investigação apura o pagamento de vantagens indevidas a magistrados que teriam beneficiado integrantes do esquema criminoso.

A ação faz parte do desdobramento da Operação Tris in Idem, que em agosto de 2020 afastou do cargo o então governador do RJ, Wilson Witzel (PSC).

No total, são 11 mandados de prisão preventiva e 26 de busca e apreensão determinados pela ministra do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Nancy Andrighi, em endereços na zona norte da cidade e também na zona sul, além da sede do Tribunal Regional do Trabalho.

Desembargador do Tribunal Regional do Trabalho do Rio (TRT-RJ) Marcos Pinto da Cruz foi preso na operação

O desembargador do Tribunal Regional do Trabalho do Rio (TRT-RJ) Marcos Pinto da Cruz foi preso na operação e outros três desembargadores são procurados.

Dentre os crimes apurados estão corrupção, lavagem de dinheiro e organização criminosa.

Mandados de prisão:

– Antônio Carlos de Azevedo Rodrigues, desembargador
– Eduarda Pinto da Cruz, operadora
– Fernando Antônio Zorzenon da Silva, desembargador
– José da Fonseca Martins Junior, desembargador
– Leila Maria Gregory Cavalcante de Albuquerque, operadora
– Manoel Messias Peixinho
– Marcello Cavanellas Zorzenon da Silva, operador
– Marcos Pinto da Cruz, desembargador
– Pedro D’Alcântara Miranda Neto
– Sônia Regina Dias Martins, operadora

Desde o ano passado, a PGR já apresentou ao STJ três denúncias contra Wilson Witzel, afastado do cargo de governados em agosto, a esposa dele, Helena Witzel, e outros envolvidos, como o ex-secretário estadual de saúde Edmar Santos, que delatou o esquema de corrupção. Os desvios vieram à tona depois das denúncias de desvios de recursos públicos destinados ao enfrentamento da pandemia da covid-19.

Aloma Carvalho