Governo do Estado faz nova seleção para a escola de gastronomia Le Cordon Bleu

outubro 15, 2018 /

Inaugurada pelo Governo do Estado do Rio de Janeiro no último dia 4, a unidade carioca da escola de gastronomia internacional Le Cordon Bleu terá mais uma seleção para bolsistas de baixa renda. Na próxima segunda-feira (15), o governo do estado, por meio da Fundação de Apoio à Escola Técnica (Faetec) – órgão vinculado à Secretaria de Ciência, Tecnologia, Inovação e Desenvolvimento Social -, lança mais um edital de seleção para uma turma com início no primeiro semestre de 2019. Serão oferecidas cinco bolsas de estudos integrais para mais uma turma do curso de educação profissional Diplôme Cordontec. O processo de admissão da escola de Botafogo, na Zona Sul do Rio, inclui sorteio público, prova, avaliação socioeconômica e teste de aptidão técnica. As inscrições poderão ser feitas nos sites www.faetec.rj.gov.br e www.selecon.org.br entre os dias 15 e 24 deste mês.

A parceria firmada entre o Governo do Rio, por meio da Faetec, e a instituição já garantiu bolsas integrais para dez estudantes de baixa renda que já iniciaram as aulas no curso profissionalizante Diplôme Cordontec, com 12 meses de duração.

Na primeira etapa do novo processo seletivo, os candidatos receberão um número e haverá um sorteio público, com base na Loteria Federal, que acontecerá no dia 27 de outubro. Em seguida, os 50 primeiros candidatos sorteados realizarão provas objetivas classificatórias de Português e Matemática. O perfil socioeconômico dos 20 primeiros classificados na prova será avaliado pelo RioSolidario. A última fase é um teste de habilidade específica, aplicado pelo Le Cordon Bleu, em 6 de dezembro.

Para se inscrever, o candidato deverá ter entre 18 e 35 anos, apresentar uma declaração de hipossuficiência e ter concluído o ensino médio em colégio público no Rio de Janeiro, além de possuir CPF próprio e renda familiar de até quatro salários mínimos. Os aprovados deverão apresentar, no ato da matrícula, original e cópia do documento de identidade e do CPF, além dos comprovantes de residência e de escolaridade.

Currículo

A formação profissional, incluindo currículo e metodologia, é idêntica à aplicada nas unidades do instituto no exterior. Ao fim do curso, os alunos poderão estagiar no restaurante-escola e no café-confeitaria que serão abertos ao público no prédio do Le Cordon Bleu carioca, localizado na Rua da Passagem. O valor do curso para não bolsista é de cerca de R$ 40 mil. O prédio, de 1,6 mil metros quadrados, pertence ao Governo do Rio e foi cedido ao Le Cordon Bleu.

Le Cordon Bleu é a mais tradicional escola de gastronomia do mundo, inaugurada em 1895. Atualmente, a instituição está presente em 20 países, com 35 escolas e 20 mil formandos por ano. No Le Cordon Bleu Rio de Janeiro, os estudantes podem cursar os tradicionais diplomas que fazem parte do currículo internacional, tais como o Grand Diplôme, Diplôme de Cuisine e Diplôme de Pâtisserie. Além disso, a unidade carioca é a única no mundo a oferece o Diplôme Cordontec, destinado a alunos de baixa renda e oriundos da rede pública de ensino estadual. O Cordontec ensina técnicas de pâtisserie, cuisine, boulangerie e serviço de salão. Os bolsistas selecionados pela Faetec também recebem uniforme, kit completo de facas e apostilas, dados pelo Cordon Bleu.

Aloma Carvalho