Galeria de Artes da Fenig recebe exposição sobre retratos suburbanos a partir desta terça (22)

março 21, 2022 /

Desde criança Tomas Weverton está envolvido com arte, mas há sete anos ele transformou esse conhecimento em ofício. Hoje, aos 26 anos, o artista assina como Towe e suas obras estarão em exposição na Galeria de Artes Fenig, na rua Governador Portela, 812, no Centro de Nova Iguaçu, a partir de amanhã (22), às 9h, na mostra “Retrato da vivência suburbana e a fragilidade de uma masculinidade deturpada”. A exposição é mais uma ação da Prefeitura de Nova Iguaçu, através da Fundação Educacional e Cultural de Nova Iguaçu, a Fenig, em parceria com a Secretaria Municipal de Cultura, com entrada gratuita.

“Eu uso MDF reciclável de fundos de gavetas e tinta acrílica de parede. Material de pintura é muito caro e eu me adaptei para que pudesse pintar em escala maior, produzir mais telas. Isso veio muito do grafite, da arte de rua. Fui reinventando porque a gente não sabe qual material poderá usar amanhã”, destacou Towe, que é morador de Comendador Soares, em Nova Iguaçu.

O pintor afirma que não tem um artista preferido nas artes visuais e que suas influências vêm através de suas vivências e da observação dele dos lugares por onde passa. “Gosto muito do expressionismo pela capacidade de praticamente criar uma fotografia do instante”, salienta o pintor.

Como cidadão de Nova Iguaçu, Towe destaca o que representa expor na sua cidade. “Expor em Nova Iguaçu traz um diálogo sobre assuntos que não são conversados e pode despertar um incômodo ou um acolhimento para outras pessoas através do meu trabalho. Quem sabe, repensar a forma de tratar a arte, tirá-la de uma moldura e trazer reflexão de que a arte não é apenas uma técnica e sim um mecanismo de informação ou até mesmo de retratação de ambientes que nunca foram falados”, diz Towe.

A exposição de Towe se junta aos grandes momentos da Galeria de Artes Fenig, entre eles, a recente exposição fotográfica Nova Iguaçu em Foco, de Paulo Santos. As artes visuais são uma tradição da Fenig que, num resgate dessa vocação, inaugurou a Galeria de Artes Fenig em novembro de 2019, com a exposição internacional “Ojú Olhos”, do fotógrafo Raimundo Santa Rosa, que trouxe a beleza da cultura dos povos africanos, numa celebração do mês da Consciência Negra.

As exposições seguintes das pintoras Nicole, Cristiane Paula, Ane Alves, Solange Maria de Souza e Elis Sampaio, dos pintores Jeremias Cristino, Rodrigo Monteiro e Á.t.o.m.o e a exposição coletiva “Artista é a mãe”, com curadoria de Silvia Schiavone, mostram a força das artes visuais em Nova Iguaçu. Em novembro de 2021, a Galeria de Artes Fenig II foi inaugurada dentro do Espaço de Artesanato Fenig Mais Top, no TopShopping, e apresentou as exposições Mulheres do Mundo, de Ane Alves e Art Nerd, de Rodrigo Cardoso.

Aloma Carvalho

[ivory-search 404 "The search form 61543 does not exist"]