Flamengo busca liderança com Gabigol no ataque; Vasco pega o Madureira em Xerém

março 27, 2021 /

Gabigol ( foto) volta ao time e faz sua estreia na Taça Guanabara

Com Gabigol fazendo sua estreia na Taça Guanabara, o Flamengo vai a Bacaxá neste sábado (27) para enfrentar o Boavista, às 21h05, no estádio Elcy Resende. O rubro-negro está com 12 pontos e precisa vencer para tomar a liderança do Volta Redonda, que venceu o Fluminense por 3×2 e chegou a 13. O Boavista tem 5. A partida será transmitida pela Rede Record.

Além de Flamengo x Boavista, a sexta rodada terá mais dois jogos neste sábado. No estádio Los Larios, em Xerém, o Vasco pega o Madureira. Já no Laranjão, em Nova Iguaçu, Bangu e Resende medem forças. Ambos os jogos às 15h30. No domingo (28), o Botafogo joga contra o Nova Iguaçu, às 18h, em Bacaxá, enquanto a Portuguesa enfrenta o lanterna Macaé, em Mesquita, às 15h30.

Para o jogo contra o Boavista, o Flamengo continuará com uma equipe mista formada por reservas e garotos da base. Gabigol faz sua estreia e deverá ter Vitinho e Michael como companheiros de ataque, pois Pedro está lesionado.
O Flamengo deverá começar a partida com: Hugo Souza, Matheuzinho, Bruno Viana, Léo Pereira e Renê; Hugo Moura, Gomes, Pepê (Muniz), Vitinho, Michael e Gabigol.

Boavista

com desempenho fraco, o Boavista tenta a reabilitação contra o Flamengo, mas uma provável classificação para o quadrangular decisivo da Taça Guanabara está difícil, pois o time soma apenas cinco pontos.
O técnico Leandrão escalou o Boavista com: Klever, Caio Felipe, Douglas Pedroso, Elivelton e Jean; Jucilei, Fernando Bob, Ralph e Erick Flores; Michel Douglas e Vitor Feijão.

Vasco x Madureira

Nono colocado na tabela de classificação com cinco pontos, o Vasco da Gama tem um jogo difícil contra o Madureira, em Xerém. O time suburbano está invicto e soma nove pontos.

O atacante argentino Germán Cano é uma das esperanças de gols do Vasco da Gama

Embalado pela primeira vitória (3×1 contra o Macaé), o Vasco terá uma série de desfalques no jogo deste sábado. O técnico Marcelo Cabo resolveu poupar Léo Matos, Leandro Castan, Andrey e Talles Magno. Além disso, MT está contundido e também não joga. A novidade será a volta do atacante Germán Cano.
A provável escalação é: Lucão, Tenório, Miranda, Graça e Zeca; Bruno Gomes, Matías Galarza (Caio Lopes), Carlinhos e Marquinhos Gabriel; Pec e Cano.

Madureira 

o técnico Alfredo Sampaio deverá manter o mesmo time que venceu o Bangu por 1×0. O técnico não poderá contar com Felipe Dias, que está lesionado no joelho direito. Com isso, Alfredo Sampaio deverá escalar a seguinte equipe:

Felipe Lacerda, Rhuan Rodrigues, Breno Calixto, Maurício Barbosa e Juninho Monteiro; Feitosa, Rodrigo Yuri e Nivaldo; Bruno Santos, Sillas Gomes e Luiz Paulo.

Voltaço vence o Fluminense

Desfalcado apenas do zagueiro Luccas Claro, o Fluminense foi derrotado por 3×2 pelo Volta Redonda, em Bacaxá. Com o resultado, o Voltaço assumiu a liderança provisória com 13 pontos. Já o tricolor permaneceu na terceira posição, com 9.
O Volta Redonda chegou a fazer 2×0, com gols de João Carlos e Alef Manga, no primeiro tempo. Com dois gols, Fred empatou a partida no segundo tempo. Mas, aos 42 minutos, Alef Manga fez o gol da vitória do Volta Redonda.

 

 

Paulo Cézar

PAULO CEZAR PEREIRA, também chamado de PC ou Paulinho da Baixada, aprendeu jornalismo nas redações de alguns principais veículos – rádios,jornais e revistas. Conheceu, como Repórter Especial do GLOBO, praticamente todos os estados brasileiros, as duas antigas Alemanhas antes da reunificação, Suiça, Austria, Portugal, França, Itália, Bélgica, Senegal, Venezuela, Panamá, Colômbia e a Costa Rica. É casado com Ana Maria e tem três filhas que já lhe deram cinco netos. Tem três paixões: a família, o jornalismo e o Flamengo. No passado, assessorou um governador, um senador, dois prefeitos e vários deputados. Comandou a área de Comunicação de Nova Iguaçu num total de 12 anos. Já produziu três livros : um para a Coleção Tiradentes, outro contando a evolução de Nova Iguaçu quando a cidade completou 170 anos, e o do jubileu de ouro da Diocese de Nova Iguaçu.