Escândalo do MEC: parentes de pastores lobistas receberam dinheiro

junho 27, 2022 /

Genro de Gilmar Santos ( foto) ganhou R$ 17 mil em negociação de evento com a presença do então ministro Milton Ribeiro

 

O genro de Gilmar Santos  — pastor acusado de pedir propina a prefeitos para liberar verbas do MEC — também recebeu dinheiro em negociação de evento com a presença do então ministro da Educação Milton Ribeiro, diz a Folha.

Wesley Costa de Jesus, que também é pastor, recebeu R$ 17 mil. O empresário José Edvaldo Brito enviou à Controladoria-Geral da União comprovantes de transferência realizados nas contas de parentes dos pastores envolvidos no escândalo do MEC.

O evento do ministro Milton Ribeiro com prefeitos da região de Nova Odessa, aconteceu em 21 de agosto do ano passado, duas semanas depois dos pagamentos. Segundo a Polícia Federal, o pastor Arilton Moura – também investigado por suposto envolvimento no esquema do MEC – pediu R$ 100 mil ao empresário em troca da realização do evento na cidade do interior paulista.

Segundo o empresário José Edvaldo Brito, também foram realizados depósitos de R$ 20 mil para Luciano de Freitas Musse, ex-assessor do MEC, e R$ 30 mil para Helder Diego da Silva Bartolomeu, genro do pastor Arilton Moura.

Paulo Cézar

PAULO CEZAR PEREIRA, também chamado de PC ou Paulinho da Baixada, aprendeu jornalismo nas redações de alguns principais veículos – rádios,jornais e revistas. Conheceu, como Repórter Especial do GLOBO, praticamente todos os estados brasileiros, as duas antigas Alemanhas antes da reunificação, Suiça, Austria, Portugal, França, Itália, Bélgica, Senegal, Venezuela, Panamá, Colômbia e a Costa Rica. É casado com Ana Maria e tem três filhas que já lhe deram cinco netos. Tem três paixões: a família, o jornalismo e o Flamengo. No passado, assessorou um governador, um senador, dois prefeitos e vários deputados. Comandou a área de Comunicação de Nova Iguaçu num total de 12 anos. Já produziu três livros : um para a Coleção Tiradentes, outro contando a evolução de Nova Iguaçu quando a cidade completou 170 anos, e o do jubileu de ouro da Diocese de Nova Iguaçu.

[ivory-search 404 "The search form 61543 does not exist"]