Dez dias depois de Claudio Castro, Rogério Lisboa anuncia volta às aulas presenciais amanhã em 122 escolas de Nova Iguaçu

novembro 2, 2021 /

O prefeito Rogério Lisboa ( foto) conversa com os  estudantes  na formatura do  Programa Estadual  de Resistência às  Drogas e  à Violência ( Proerd ) em dezembro de 2019   .

Com 10 dias de atraso em relação ao governo do estado, o prefeito de Nova Iguaçu, Rogério Lisboa (PP), reapareceu hoje 02/11), Dia de Finados,  nas redes sociais para anunciar, através de sua conta oficial no Twitter,  que alunos  de 121 escolas da rede pública municipal voltarão às aulas presenciais amanhã, quarta-feira, dia 3. Alunos de  outras 22 escolas aguardarão, ainda, o final de obras nas unidades onde estudavam antes da pandemia, em março de 2020, e seguirão com aulas online.

A prefeitura lembra que os alunos serão divididos em dois grupos que irão se revezar semanalmente entre aulas presenciais e ensino híbrido.

 

Lisboa anunciou, no ano passado, a volta às aulas presenciais em setembro e em novembro, mas o aumento do número de casos e de óbitos pela covid-19 não permitiram a reabertura das escolas da prefeitura. Atualmente, mais de um milhão de doses de vacinas contra a covid-19 já foram aplicadas em Nova Iguaçu, mas o governo municipal não informou, ainda, o percentual da população que já tomou as duas doses das vacinas e qual é o número dos moradores que tomaram a dose de reforço.

Lisboa não esclareceu se os alunos e professores terão que usar máscaras faciais, manter o distanciamento social nas salas de aula e se terão todas as atividades pedagógicas. O prefeito aproveitou a oportunidade para anunciar que até 2022 todas as escolas da prefeitura de sua cidade estarão climatizadas e que algumas delas serão reformadas.

Lisboa explicou que a compra de aparelhos de  ar condicionado para as escolas só não aconteceu antes porque os recursos da prefeitura foram priorizados para o combate à pandemia. Ele também não explicou a fonte de recursos que usará para comprar os aparelhos de ar condicionado para as 143 escolas da prefeitura. Segundo informou o governo estadual, Nova Iguaçu está sendo aquinhoado com mais de R$ 538 milhões com o dinheiro do  leilão da Cedae. Na conta  de Rogério no Twitter,  professores protestaram contra os baixos salários.

As cidades da Baixada Fluminense estão com a bandeira verde desde a semana passada pelo último mapa epidemiológico divulgado pelo governo estadual.

Paulo Cézar

PAULO CEZAR PEREIRA, também chamado de PC ou Paulinho da Baixada, aprendeu jornalismo nas redações de alguns principais veículos – rádios,jornais e revistas. Conheceu, como Repórter Especial do GLOBO, praticamente todos os estados brasileiros, as duas antigas Alemanhas antes da reunificação, Suiça, Austria, Portugal, França, Itália, Bélgica, Senegal, Venezuela, Panamá, Colômbia e a Costa Rica. É casado com Ana Maria e tem três filhas que já lhe deram cinco netos. Tem três paixões: a família, o jornalismo e o Flamengo. No passado, assessorou um governador, um senador, dois prefeitos e vários deputados. Comandou a área de Comunicação de Nova Iguaçu num total de 12 anos. Já produziu três livros : um para a Coleção Tiradentes, outro contando a evolução de Nova Iguaçu quando a cidade completou 170 anos, e o do jubileu de ouro da Diocese de Nova Iguaçu.