Com a cabeça na Libertadores, Flamengo enfrenta o Internacional; Athletico-PR e Bragantino decidem a Sul-Americana

novembro 20, 2021 /

Torcedores do Flamengo fizeram festa para o time no embarque para o Sul

Clebio Luiz

Após a festa da torcida no embarque de sexta-feira, o Flamengo chegou ao Rio Grande do Sul para enfrentar o Internacional, neste sábado, às 21h30, no estádio Beira-Rio. Com 63 pontos, o rubro-negro está em segundo lugar no Brasileirão. O líder é o Atlético-MG, com 71. O Colorado ocupa a sétima posição, com 47.
O Flamengo está com a cabeça na decisão da Copa Libertadores contra o Palmeiras, que será disputada no próximo sábado (27/11), em Montevidéu. A tendência é de o técnico Renato Gaúcho escalar uma equipe mista para equilibrar a equação desgaste x ritmo de jogo.


O técnico Renato Gaúcho deverá escalar o Flamengo com: Diego Alves; Matheuzinho, Gustavo Henrique, David Luiz (Léo Pereira) e Filipe Luís (Ramon); Arão, Andreas Pereira, Everton Ribeiro, Vitinho, Michael e Gabigol.
Internacional – O Internacional perdeu o último jogo por 1×0 para o Cuiabá e agora tenta buscar o caminho da vitória, pois sonha com uma vaga na Libertadores do ano que vem. Yuri Alberto será o desfalque. Víctor Cuesta e Moisés cumpriram suspensão e voltam ao time. Taison, recuperado de uma luxação no ombro direito, retorna para dividir com Edenilson e Patrick a tarefa de municiar o ataque.
O Internacional deverá jogar com: Marcelo Lomba; Renzo Saravia, Bruno Méndez, Victor Cuesta e Moisés; Rodrigo Dourado, Rodrigo Lindoso (Johnny), Edenilson, Taison e Patrick; Matheus Cadorini.

Decisão da Sul-Americana

Athletico- PR e Red Bull Bragantino disputam neste sábado o título da Copa Sul-americana, às 17h, no estádio Centenário, no Uruguai. Em caso de empate no tempo normal, prorrogação. Persistindo o empate, pênaltis.

O Red Bull Bragantino treinou e fez os últimos ajustes para a decisão

Veja as escalações:

Athletico: Santos; Pedro Henrique, Thiago Heleno e Nico Hernández; Marcinho, Erick (Christian), Léo Cittadini e Abner; Nikão, Kayzer e Terans.
Bragantino: Cleiton; Aderlan, Fabrício Bruno, Léo Ortiz e Edimar (Luan Cândido); Jadsom, Praxedes e Helinho (Eric Ramires); Artur, Cuello e Ytalo.

Paulo Cézar

PAULO CEZAR PEREIRA, também chamado de PC ou Paulinho da Baixada, aprendeu jornalismo nas redações de alguns principais veículos – rádios,jornais e revistas. Conheceu, como Repórter Especial do GLOBO, praticamente todos os estados brasileiros, as duas antigas Alemanhas antes da reunificação, Suiça, Austria, Portugal, França, Itália, Bélgica, Senegal, Venezuela, Panamá, Colômbia e a Costa Rica. É casado com Ana Maria e tem três filhas que já lhe deram cinco netos. Tem três paixões: a família, o jornalismo e o Flamengo. No passado, assessorou um governador, um senador, dois prefeitos e vários deputados. Comandou a área de Comunicação de Nova Iguaçu num total de 12 anos. Já produziu três livros : um para a Coleção Tiradentes, outro contando a evolução de Nova Iguaçu quando a cidade completou 170 anos, e o do jubileu de ouro da Diocese de Nova Iguaçu.