Cláudio Castro nomeia 15 novos Secretários de Estado

abril 3, 2022 /

O governador Cláudio Castro nomeou,  sexta-feira (01/04), em edição extraordinária do Diário Oficial, 15 novos secretários de Estado. Eles assumem as secretarias de Polícia Civil; Administração Penitenciária; Governo; Infraestrutura e Obras; Desenvolvimento Econômico; Esporte e Lazer; Turismo; Ambiente e Sustentabilidade; Desenvolvimento Social; Defesa do Consumidor; Ciência e Tecnologia; Agricultura; Planejamento e Gestão; Gabinete de Segurança Institucional do Governo (GSI); além da Secretaria Extraordinária de Representação do Governo em Brasília.

– O novo time de secretários chega para somar neste momento único e histórico, de reconstrução do Estado do Rio de Janeiro. Com as experiências que cada um desses novos nomes acumula em suas áreas, daremos continuidade ao excelente trabalho iniciado pelos seus antecessores. O desenvolvimento social e econômico do Estado, garantindo qualidade de vida para a população fluminense, é a missão de todos. Aproveito, aqui, para agradecer toda a atuação dos secretários que caminharam conosco até então – ressaltou o governador.

O delegado Fernando Albuquerque substitui o secretário de Polícia Civil, Allan Turnowski. O policial penal Júlio Cesar da Cruz assume a Secretaria de Administração Penitenciária, no lugar de Fernando Veloso. Já Rogério Lopes Brandi é o novo secretário de Infraestrutura e Obras, substituindo Max Lemos. As secretarias de Turismo e do Ambiente recebem Sávio Neves e José Ricardo Brito, que substituem Gustavo Tutuca e Thiago Pampolha, respectivamente.

O secretário da Casa Civil, Nicola Miccione, vai comandar, de forma interina, a Secretaria de Planejamento e Gestão, antes chefiada por José Luís Zamith. Já a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, antes chefiada por Vinicius Farah, será ocupada por Cássio Coelho, que assume interinamente a pasta e segue, ainda, no comando do Procon-RJ.

Matheus Quintal deixa o cargo de secretário de Desenvolvimento Social, que passa a ser coordenada por Júlio Saraiva. Marcos Paes será o novo secretário de Esporte e Lazer, no lugar de Gutemberg Fonseca. Já Rogério Amorim e Rafael Thompson assumem, respectivamente, as secretarias de Defesa do Consumidor e de Governo, substituindo Léo Vieira e Rodrigo Bacellar. João Carrilho e Alex Sandro Pedrosa Grillo passam a comandar as secretarias de Ciência e Tecnologia e de Agricultura, antes chefiadas por Dr. Serginho e Marcelo Queiroz.

No GSI, antes comandado por Marcelo Bertolucci, a coordenação será de Edu Guimarães de Souza. Na Secretaria Extraordinária de Representação do Governo em Brasília, até então comandada por André Moura, o novo titular passa a ser Walterson Ibituruna.

Os novos secretários:

Polícia Civil

Formado em Direito pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Fernando Albuquerque tem uma série de especializações nas áreas de Polícia Integrada e Inteligência Estratégica. O novo chefe de Polícia Civil ocupava o cargo de Subsecretário de Inteligência, desde setembro de 2020, e foi titular das delegacias de Comendador Soares, Angra dos Reis, Vila Isabel e Tanque. Além disso, o novo secretário foi coordenador de Planejamento de Grandes Eventos da Polícia Civil.

Infraestrutura e Obras

Rogério Lopes Brandi é formado em Direito pela Universidade Iguaçu-RJ e atua no serviço público há 13 anos. O novo secretário é especializado na área de Logística, Administração Pública e Gestão de Contratos. Rogério já esteve à frente da Secretaria de Serviços Públicos e na chefia de gabinete da Secretaria Municipal de Obras, da Prefeitura de Queimados. Na Secretaria de Infraestrutura e Obras, Brandi coordenou as intervenções para a recuperação de Petrópolis, após as chuvas de fevereiro deste ano.

Governo

Formado em Tecnologia da Gestão Pública e pós-graduando em Gestão Pública, pela Universidade Estácio de Sá, Rafael Thompson já atuou no Governo do Rio, em gestões anteriores. Foi subsecretário de Planejamento e Gestão, da Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude, e coordenador na Subsecretaria de Comunicação Social. No governo Cláudio Castro, foi subsecretário de Governo. Thompson também trabalhou nas Prefeituras do Rio de Janeiro e de São Gonçalo.

Desenvolvimento Social

O novo secretário Júlio Saraiva é gestor público há 14 anos, com formação na área de Tecnologia da Informação e pós-graduação em Administração Pública. Desde junho de 2021, Saraiva atuava na secretaria como subsecretário de Governança, Compliance e Gestão Administrativa. Júlio também ocupou cargos públicos no Ministério do Trabalho e Emprego, na Diretoria de Tecnologia, no Governo do Estado de São Paulo, na Secretaria de Desenvolvimento Econômico, e na Prefeitura do Rio de Janeiro, no Iplanrio.

Defesa do Consumidor

Vereador, que está em seu primeiro mandato na Câmara da cidade do Rio de Janeiro, Rogério Amorim é formado em medicina pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO), com especialidade em neurocirurgia. Também atuou como professor desta mesma universidade. Foi chefe da clínica neurocirúrgica do Hospital Universitário Gaffréé e Guinle. É membro titular da Sociedade Brasileira de Neurocirurgia e mestre em Neurociências pela UNIRIO.

Desenvolvimento Econômico

Cássio Coelho é formado em Direito e atuou como presidente do Procon do Estado do Rio de Janeiro desde 2019. Empresário há mais de 20 anos, é servidor público efetivo de nível superior do Tribunal de Justiça, trabalhou na Dívida Ativa do Estado, foi Assessor do Órgão Julgador nas Câmaras Cíveis e Criminais. Também atuou no Tribunal Regional Eleitoral e foi secretário municipal de Ordem Pública e Trânsito de Paraty. Assume a pasta de forma interina.

Planejamento e Gestão

Secretário da Casa Civil desde setembro de 2020, Nicola Miccione está à frente de grandes projetos do governo, como a concessão dos serviços de saneamento e do PactoRJ, maior pacote de investimentos do Estado. Advogado concursado do Banco do Nordeste do Brasil, vinculado ao Ministério da Economia, Nicola é pós-graduado em Direito Processual Civil, pela Escola Superior da Magistratura do Estado do Ceará, e tem MBA em Gestão Empresarial, pela Universidade de São Paulo. Assume a pasta de forma interina e segue, ainda, chefe da Casa Civil e à frente da Secretaria de Justiça.

Administração Penitenciária

O policial penal Júlio César da Cruz de Freitas é servidor desde 2001. Já integrou as equipes das penitenciárias Moniz Sodré, Laércio da Costa Pellegrino (Bangu 1), a unidade de segurança máxima, e Gabriel Ferreira de Castilho (Bangu 3). Ajudou a implantar o Grupamento de Intervenção Tática, onde ficou até 2017. Foi o 5° colocado no Curso de Ações Táticas do Bope. Em 2021, assumiu a subsecretaria de Gestão Técnica. Assume interinamente a pasta.

Turismo

Sávio Luís Ferreira Neves Filho é formado em engenharia pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) e é empresário do setor do turismo. Integrante do trade, faz parte dos conselhos Nacional, Estadual (RJ) e Municipal (Rio de Janeiro) de Turismo.

Ambiente e Sustentabilidade

Advogado formado pela Universidade Cândido Mendes, José Ricardo Brito já atuou como secretário de Esporte, Lazer e Juventude, órgão onde também exerceu função como chefe de gabinete nos anos de 2018 e 2017. Foi presidente da Superintendência de Esportes do Estado do Rio de Janeiro (Suderj). Entre os anos de 2011 e 2013, foi consultor especial na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj).

Ciência e Tecnologia

João Carrilho estava à frente da presidência da Fundação de Apoio à Escola Técnica (Faetec) desde novembro de 2020. Foi secretário de Desenvolvimento Social, Trabalho e Renda da Prefeitura de Búzios entre os anos de 2015 e 2020. Entre 2009 e 2012, foi vereador desta cidade, onde atuou, ainda, na chefia de gabinete do município.

Esporte e Lazer

Marcos Paes já atuava como subsecretário na pasta de Esporte e Lazer desde outubro de 2021. Teve passagens pelas secretarias de Defesa Civil, de Governo e Relações Institucionais, de Turismo e Trabalho e Renda. Já exerceu a função de gerente de Guarda-Parque pelo Instituto Estadual do Meio Ambiente (Inea). É bacharel em Direito e faz parte do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio de Janeiro.

Agricultura

Alex Sandro Pedrosa Grillo já exercia o cargo de subsecretário da pasta. Advogado, graduado pela Universidade Gama Filho, o novo secretário já atuou no Governo do Rio em 2018 também no posto de secretário de Agricultura. Já trabalhou na Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) como chefe de gabinete da vice-presidência, além de ter sido assessor jurídico da Casa. Grillo também atuou como diretor financeiro e administrativo da Fundação Estadual do Norte Fluminense (Fenorte).

Gabinete de Segurança Institucional do Governo (GSI)

Delegado da Polícia Civil do Rio de Janeiro há nove anos, Edu Guimarães de Souza já ocupou o cargo de Subsecretário de controle de dívidas da Casa Civil – operação Foco, antiga Barreira Fiscal, por um ano e dois meses, no governo de Cláudio Castro. Edu Guimarães atuou como delegado titular de diversas unidades na Polícia Civil e como inspetor de polícia por 12 anos, antes de ser aprovado no concurso de Delegado de Polícia.

Secretaria Extraordinária de Representação do Governo em Brasília

Pós-graduado em Gestão Pública e em Direito Administrativo e Econômico pela Universidade de Coimbra/Intervale, Walterson Ibituruna atuava desde 2020 como subsecretário de Políticas Públicas e Relações Institucionais na Secretaria de Representação do Governo do Rio de Janeiro em Brasília. Foi diretor de Gestão, Planejamento e Inteligência na Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) em 2017, 2018 e 2019, e já ocupou diversos cargos na Câmara dos Deputados, a partir de 1991.

Paulo Cézar

PAULO CEZAR PEREIRA, também chamado de PC ou Paulinho da Baixada, aprendeu jornalismo nas redações de alguns principais veículos – rádios,jornais e revistas. Conheceu, como Repórter Especial do GLOBO, praticamente todos os estados brasileiros, as duas antigas Alemanhas antes da reunificação, Suiça, Austria, Portugal, França, Itália, Bélgica, Senegal, Venezuela, Panamá, Colômbia e a Costa Rica. É casado com Ana Maria e tem três filhas que já lhe deram cinco netos. Tem três paixões: a família, o jornalismo e o Flamengo. No passado, assessorou um governador, um senador, dois prefeitos e vários deputados. Comandou a área de Comunicação de Nova Iguaçu num total de 12 anos. Já produziu três livros : um para a Coleção Tiradentes, outro contando a evolução de Nova Iguaçu quando a cidade completou 170 anos, e o do jubileu de ouro da Diocese de Nova Iguaçu.

[ivory-search 404 "The search form 61543 does not exist"]