Campanha de vacinação contra sarampo continua em Nilópolis

maio 21, 2022 /

Na próxima semana (23/5 a 27/5), a Prefeitura de Nilópolis continua aplicando a vacina contra o sarampo em profissionais da saúde e crianças de seis meses até menores de cinco anos. Todos os postos de saúde da cidade estão vacinando.

O Sarampo é uma doença infecciosa grave, contagiosa, que pode evoluir com complicações. A presença do vírus reforça a necessidade de esforços no sentido da vigilância epidemiológica ativa (notificação de casos suspeitos, idealmente, em 24 horas, investigação ágil, coleta adequada e envio das amostras).

Pontos de vacinação

Posto Central
Rua João Pessoa, 1530, Centro.
Posto de Atendimento Médico e Sanitário do Cabral
Rua Roldão Gonçalves, s/n, Cabral
Posto A. de A. Machado
Rua Mário Valadares, s/n, Novo Horizonte
Posto Dorvil Almeida Lacerda
Rua José Couto Guimarães, 1299, Paiol
Posto Médico Rosa Maria Perez
Rua Mal. Deodoro, 555, Nova Cidade.
Posto Nova Olinda
Rua Amadeu Lara, s/n, Olinda.
Posto Programa de Saúde da Família – Olinda II
Rua Pedro Roque, 13, Olinda
Posto Programa de Saúde da Família – Manoel Reis
Rua Antônio João Mendonça, s/nº, Manoel Reis.
Posto Programa de Saúde da Família – Frigorífico
Rua Dr. Rufino Gonçalves Ferreira, s/n, Frigorífico
Posto Dr. Armando Almeida – Chatuba
Rua: Marques Canário, 970
Posto Programa de Saúde da Família – Cabuís
Rua General Mena Barreto, sem número, Cabuís

Nilópolis mantém vacinação contra a gripe crianças de seis meses a menores de cinco anos e idosos de 60 anos ou mais

Campanha nacional contra a influenza vai até 3 de junho

A Prefeitura de Nilópolis prossegue na imunização contra a gripe de crianças de seis meses a menores de cinco anos, idosos de 60 anos ou mais e profissionais da saúde, na próxima semana, de 23 a 27 de maio. Para se vacinar, basta procurar um dos postos de saúde existentes no município de segunda a sexta-feira, das 9h às 16h. A Secretaria de Saúde segue o calendário definido pelo Ministério da Saúde, que programou a imunização contra a Influenza até o dia 3 de junho.

O Ministério da Saúde informou que pretende vacinar 90% de todos os grupos que integram o público-alvo da campanha. Segundo o Instituto Butantan, serão distribuídas cerca de 80 milhões de doses.

A importância de buscar a vacinação contra a influenza é maior depois que o Rio de Janeiro e São Paulo passaram por uma epidemia de gripe fora de época no final de 2021 e início de 2022.

Grupos prioritários

Crianças de 6 meses a 4 anos, 22 meses e 29 dias
Trabalhadores de saúde de serviços públicos e privados
Gestantes
Puérperas (mulheres que tiveram filho há 45 dias)
Professores de ensino básico e superior
Idosos com mais de 60 anos
Profissionais das forças armadas
Pessoas com deficiência permanente
Pessoas com doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais
Confira a lista das doenças crônicas não transmissíveis que são incluídas na campanha de vacinação contra a gripe do país:
Doenças respiratórias crônicas (asma, fibrose cística, DPO)
Doenças cardíacas crônicas (hipertensão, isquemia, insuficiência cardíaca)
Caminhoneiros
Trabalhadores do transporte coletivo rodoviário para passageiros urbanos e de longo curso
Trabalhadores portuários
População privada de liberdade
Adolescentes e jovens de até 21 anos sob medidas socioeducativas
Funcionários do sistema prisional
Pessoas imunossuprimidas
Diabéticos
Obesos grau III

Aloma Carvalho

[ivory-search 404 "The search form 61543 does not exist"]