Bolsonaro sobe 4 pontos no Ibope e agora tem 31%. Haddad para em 21%, Ciro tem 11%, Alckmin (8%) e Marina 4%

outubro 2, 2018 /

O deputado Jair Bolsonaro, do PSL, subiu quatro pontos na pesquisa de intenção de votos para Presidência da República feita neste final de semana pelo Ibope e divulgada minutos atrás pelo Jornal Nacional da Tv Globo faltando seis para as eleições deste ano. Ele subiu de 27% para 31%. O candidato do PT, Fenando Haddad,que subia em todas as pesquisas depois de oficializada sua candidatura,  manteve-se em 21% nesta nova sondagem. Ciro Gomes (PDT) tem 11%, Geraldo Alckmin (PSDB) 8% e Marina Silva 4%.  João Amoedo ( Novo) tem 3%, Álvaro Dias ( Podemos) 2%, Henrique Meirelles ( MDB) 2%, Cabo Daciolo ( Patriota) : 1%, Vera Lúci  (PSTU) e Eymael (Democracia Cristã) tiveram 0% , Brancos/nulos: 12%, Não sabe/não respondeu: 5%. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. O Ibope ouviu 3.010 eleitores em 208 cidades brasileiras.) candidato João Goulart Filho (PPL) não foi citado por nenhum entrevistado.

 

REJEIÇÃO

O índice de rejeição de Fernando Haddad (38%) cresceu 11 pontos percentuais, enquanto o candidato do PSL manteve 44%. Marina Silva: 25%, Geraldo Alckmin: 19%, Ciro Gomes: 18%, Cabo Daciolo: 10%, Henrique Meireles: 10%, Eymael: 10%, Alvaro Dias: 9%, Guilherme Boulos: 10%, Vera Lúcia 9%, João Amoedo 8%, João Goulart Filho: 7%. Poderia votar em todos: 2%. Não sabe/não respondeu: 6%.

 

SEGUNDO TURNO

CENÁRIO 1

Ciro 45%

Bolsonaro 39%

(branco/nulo: 13%; não sabe: 3%

CENÁRIO 2

Alckmin  42%

Bolsonaro 39%

(branco/nulo: 14%; não sabe: 3%)

CENÁRIO 3

Haddad  42%

Bolsonaro 42%

(branco/nulo:14%; não sabe: 3%)

CENÁRIO 4

Bolsonaro 43%

Marina 38%

(branco/nulo: 17%: não sabe: 2%)

Paulo Cézar

PAULO CEZAR PEREIRA, também chamado de PC ou Paulinho da Baixada, aprendeu jornalismo nas redações de alguns principais veículos – rádios,jornais e revistas. Conheceu, como Repórter Especial do GLOBO, praticamente todos os estados brasileiros, as duas antigas Alemanhas antes da reunificação, Suiça, Austria, Portugal, França, Itália, Bélgica, Senegal, Venezuela, Panamá, Colômbia e a Costa Rica. É casado com Ana Maria e tem três filhas que já lhe deram cinco netos. Tem três paixões: a família, o jornalismo e o Flamengo. No passado, assessorou um governador, um senador, dois prefeitos e vários deputados. Comandou a área de Comunicação de Nova Iguaçu num total de 12 anos. Já produziu três livros : um para a Coleção Tiradentes, outro contando a evolução de Nova Iguaçu quando a cidade completou 170 anos, e o do jubileu de ouro da Diocese de Nova Iguaçu.