Jornalista Paulo Fona será secretário de Imprensa do governo Bolsonaro

julho 25, 2019 /

 

Secretário de Comunicação dos governos de Rodrigo Rollemberg (PSB), no Distrito Federal, e Yeda Crusius (PSDB), no Rio Grande do Sul, Fona foi porta-voz e secretário de Comunicação do então governador Joaquim Roriz e coordenou a campanha ao Senado do hoje governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM).

 

Nas redações, entre os veículos por que passou, Fona foi diretor de redação e colunista do Jornal do Brasil, edItor do Correio Braziliense e trabalhou no Estado de S. Paulo.

 

O nome de Fona foi uma escolha em consenso do ministro Luís Ramos, do porta-voz Rego Barros e do secretário de Comunicaçao Fábio Wajngarten. “Pretendo trabalhar em sintonia com o ministro Luís Ramos, com o Porta-voz Rego Barros e com o secretário de Comunicação, Fábio Wajngarten, e ajudar o Brasil”, disse Fona.

Paulo Cézar

PAULO CEZAR PEREIRA, também chamado de PC ou Paulinho da Baixada, aprendeu jornalismo nas redações de alguns principais veículos – rádios,jornais e revistas. Conheceu, como Repórter Especial do GLOBO, praticamente todos os estados brasileiros, as duas antigas Alemanhas antes da reunificação, Suiça, Austria, Portugal, França, Itália, Bélgica, Senegal, Venezuela, Panamá, Colômbia e a Costa Rica. É casado com Ana Maria e tem três filhas que já lhe deram cinco netos. Tem três paixões: a família, o jornalismo e o Flamengo. No passado, assessorou um governador, um senador, dois prefeitos e vários deputados. Comandou a área de Comunicação de Nova Iguaçu num total de 12 anos. Já produziu três livros : um para a Coleção Tiradentes, outro contando a evolução de Nova Iguaçu quando a cidade completou 170 anos, e o do jubileu de ouro da Diocese de Nova Iguaçu.