Japeri informa que falta de merenda escolar mostrada pelo Bom Dia, Rio, vai ser normalizada e garante transporte escolar

maio 14, 2019 /

A Secretaria de Educação de Japeri reiterou hoje, em nota, que firmou convênio no dia 15 de abril deste ano com a TransOnibus, garantindo gratuidade nos coletivos municipais, através do sistema de bilhetagem eletrônica (cartão RioCard), para alunos do ensino fundamental e da educação de jovens e adultos (EJA) das 34 escolas municipais que necessitam do benefício.  No- entanto, ma reportagem exibida hoje no telejornal Bom Dia, Rio, da TV Globo, mostrou uma manifestação de mães dos alunos de uma escola protestando pela falta de transporte para as crianças da rede pública de ensino e de merenda escolar.

Na nota de esclarecimento, o governo de Japeri diz que, enquanto aguardam a confecção do RioCard, os alunos já têm livre acesso ao transporte público e escolar, desde que estejam devidamente uniformizados.
Quanto à falta de merenda escolar, a oferta de alimentação está sendo normalizada. Os gêneros alimentícios para o preparo da merenda quente (cereais, carnes e legumes) começaram a ser enviados às escolas nesta sex-ta-feira, dia 10 de maio. Em todos os estabelecimentos da rede municipal de ensino há também oferta de lanche com suco, biscoito, pão, requeijão e frutas.

Para suprir a carência de alguns profissionais, a Secretaria Municipal de Educação abriu inscrição nesta segunda-feira, dia 13, para professores que tenham interesse na GLP (Gratificação por Lotação Prioritária) para Língua Portuguesa, Matemática e Ciência, entre outras disciplinas.

A falta de professor só está ocorrendo no segundo segmento do ensino fundamental, do 6º ao 9º ano, por conta do Concurso Público de 2012, que fora cancelado.
Em relação ao mediador, no prazo máximo de 20 dias será aberto processo seletivo para essa categoria de profissionais.
A Prefeitura informa, ainda, que já deu posse a algumas merendeiras aprovadas no último concurso e está convocando aquelas que ainda não se apresentaram para trabalhar nas escolas.

Paulo Cézar

PAULO CEZAR PEREIRA, também chamado de PC ou Paulinho da Baixada, aprendeu jornalismo nas redações de alguns principais veículos – rádios,jornais e revistas. Conheceu, como Repórter Especial do GLOBO, praticamente todos os estados brasileiros, as duas antigas Alemanhas antes da reunificação, Suiça, Austria, Portugal, França, Itália, Bélgica, Senegal, Venezuela, Panamá, Colômbia e a Costa Rica. É casado com Ana Maria e tem três filhas que já lhe deram cinco netos. Tem três paixões: a família, o jornalismo e o Flamengo. No passado, assessorou um governador, um senador, dois prefeitos e vários deputados. Comandou a área de Comunicação de Nova Iguaçu num total de 12 anos. Já produziu três livros : um para a Coleção Tiradentes, outro contando a evolução de Nova Iguaçu quando a cidade completou 170 anos, e o do jubileu de ouro da Diocese de Nova Iguaçu.