Governo do Estado Rio de Janeiro divulga balanço de realizações de 180 dias

junho 28, 2019 /

Ações foram apresentadas em evento para representantes dos três Poderes, da sociedade civil e iniciativa privada

O Governo do Rio de Janeiro prestou contas do trabalho realizado e dos avanços conquistados nos primeiros 180 dias da nova gestão, durante apresentação, nesta sexta-feira (28/06), na sede da Procuradoria Geral do Estado (PGE). O evento contou com a presença de parlamentares, empresários e representantes da sociedade civil. O marco dos primeiros seis meses faz parte da evolução do Plano de Diretrizes e Iniciativas Prioritárias, divulgado no início de janeiro.

Durante a apresentação, entre os resultados alcançados, o governador Wilson Witzel destacou o esforço na área de segurança pública, fundamental para a retomada do crescimento do estado.

– Nós temos certeza de que tudo o que nós pensamos para o desenvolvimento do estado passa por ter uma segurança eficiente. Agradeço o trabalho dos secretários da Polícia Militar, coronel Figueredo, e da Polícia Civil, Marcus Vinícius, porque nós estamos atuando na investigação, na prisão e no sistema penitenciário e, por isso, a segurança tem hoje demonstrado resultados que são os melhores do país. A Polícia Civil do estado do Rio de Janeiro é hoje a melhor do Brasil – afirmou o governador.

O secretário de Estado da Casa Civil e Governança, José Luís Zamith, apresentou algumas das realizações de cada pasta. Entre elas estão a reorganização das contas públicas e o aumento de R$ 1,2 bilhão na arrecadação de receita tributária, de janeiro a maio, alcançando um total de R$ 20,8 bilhões. Zamith lembrou ainda que o pagamento dos salários dos servidores vem ocorrendo sem atrasos, apesar da crise financeira herdada pelo governo.

– Nosso governo é um governo que preza pela ética e transparência, que presta contas, que mostra resultados reais, retratando assim a seriedade do nosso compromisso com a população fluminense. Todas as iniciativas mostradas nesse balanço de 180 dias de governo não foram aleatórias, foram definidas por metas e indicadores, e trabalhamos de forma incansável para alcançá-las – ressaltou o secretário.

Segurança

Nos primeiros meses de 2019, o governo estadual reaparelhou as polícias Civil e Militar, recompôs efetivos e reforçou investigações de crimes ligados à lavagem de dinheiro. De acordo com dados do Instituto de Segurança Pública, o número de homicídios dolosos caiu 24% nos primeiros cinco meses do ano. Em relação ao mesmo período do ano passado, o estado teve 563 vítimas a menos.

Saúde

De janeiro a abril, houve um aumento de 570% no valor de transferência de verbas para os municípios aplicarem na área, por meio de cofinanciamento, na comparação com o mesmo período de 2018, com um repasse total de R$ 129 milhões. O estado também passou a destinar R$ 5 milhões mensais ao Hospital da Posse, em Nova Iguaçu.  Além disso, foram realizadas 1.488 cirurgias de catarata, 50% a mais do que nos quatro primeiros meses do ano passado, reduzindo a fila de pacientes à espera desse tipo de operação.

Educação

 Em apenas seis meses, houve a criação de 1.157 novas turmas. Com isso, foi possível atender a mais 40.950 alunos que estavam fora de sala de aula por falta de vagas na rede estadual de ensino. Também foram inaugurados dois colégios militares nas cidades de Volta Redonda e Miguel Pereira, no interior fluminense. A Secretaria de Educação, em parceria com a Firjan, contemplou ainda 5 mil alunos e 150 escolas em 16 municípios com cursos de qualificação gratuitos de assistente de produção industrial, nas unidades do Senai/RJ, próximas aos colégios.

Fotode Philippe Lima

 

 

 

 

 

 

 

Paulo Cézar

PAULO CEZAR PEREIRA, também chamado de PC ou Paulinho da Baixada, aprendeu jornalismo nas redações de alguns principais veículos – rádios,jornais e revistas. Conheceu, como Repórter Especial do GLOBO, praticamente todos os estados brasileiros, as duas antigas Alemanhas antes da reunificação, Suiça, Austria, Portugal, França, Itália, Bélgica, Senegal, Venezuela, Panamá, Colômbia e a Costa Rica. É casado com Ana Maria e tem três filhas que já lhe deram cinco netos. Tem três paixões: a família, o jornalismo e o Flamengo. No passado, assessorou um governador, um senador, dois prefeitos e vários deputados. Comandou a área de Comunicação de Nova Iguaçu num total de 12 anos. Já produziu três livros : um para a Coleção Tiradentes, outro contando a evolução de Nova Iguaçu quando a cidade completou 170 anos, e o do jubileu de ouro da Diocese de Nova Iguaçu.