CSA vence no Maracanã por 1×0, empurra o Fluminense para zona de rebaixamento e complica Fernando Diniz

agosto 18, 2019 /

Fluminense finalizou mais de 30 vezes, mas não conseguiu marcar e acabou surpreendido pelo CSA que venceu por 1 a 0,em partida disputada na tarde deste domingo, no Maracanã. O único gol foi marcado pelo meia argentino Jonathan Gomez, no segundo tempo. O Santos permanece na liderança do campeonato brasileiro nesta 15ª rodada, embora tenha perdido para o Cruzeiro ( 2 x 0 ) no Mineirão na estréia do treinador Rogério Ceni no comando da equipe mineira. O Flamengo, que goleou o Vasco no sábado ( 4 x 1 ), agora é o novo vice-líder do Brasileirão com 30 pontos ganhos, dois a a menos que o Santos, e tem Gabigol artilheiro do Brasileirão com 11 gols. Dani Alves , que fez sua estréia hoje no time do São Paulo, foi o autor do gol da vitória de 1 x 0 sobre o Ceará no Morumbi.

 

Com o resultado que coloca em risco o cargo do técnico Fernando Diniz, o Tricolor das Laranjeiras voltou para a zona do rebaixamento. O Fluminense caiu para a 17 ª colocação com 12 pontos ganhos, enquanto o CSA é o 18º colocado com 11 pontos. O CSA não vencia há oito partidas e nem marcava gols fora de casa há sete jogos.

A partida foi dominada pelo Fluminense que criou várias oportunidades de gol, mas esbarrou na falta de competência dos seus atacantes e na boa atuação do goleiro Jordi que apareceu bem nos momentos em que o Tricolor conseguiu furar o sistema defensivo armado pelo técnico Argel. O CSA entrou armado para tentar segurar a pressão do adversário e acabou sendo feliz ao marcar o gol em um dos seus raros ataques bem sucedidos, através do do argentino Jonathan Gomez.

O Fluminense só volta a jogar pelo Brasileiro no dia 2 de setembro, diante do Avai, no Maracanã. O CSA vai receber o Cruzeiro, no próximo final de semana, em Maceió.

 

 

FICHA TÉCNICA

FLUMINENSE 0 X 1 CSA

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)

Data: 18 de agosto de 2019, domingo
Hora: 16h (de Brasília)
Árbitro: Wagner Reway (PB)
Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis (SP) e Neuza Ines Back (SP)
VAR: Igor Junio Benevenuto de Oliveira (MG)
Público: 25.049 presentes
Cartão Amarelo:Yuri(Flu); Jonathan Gomez, Dawhan(CSA)
Gol:
CSA: Jonathan Gomez, aos 33 minutos do segundo tempo
FLUMINENSE: Muriel, Igor Julião( Miguell), Nino, Yuri e Caio Henrique; Allan, Daniel(Brenner) e Paulo Henrique Ganso; Marcos Paulo (Wellington Nem), João Pedro e Yony González.
Técnico: Fernando Diniz

CSA: Jordi, Apodi(Jean Kléber), Alan Costa, Luciano Castán e Carlinhos; Dawhan, João Vitor, Naldo e Jonatan Gómez; Maranhão(Bustamente) e Alecsandro(Ricardo Bueno)
Técnico: Argel Fucks

 

Paulo Cézar

PAULO CEZAR PEREIRA, também chamado de PC ou Paulinho da Baixada, aprendeu jornalismo nas redações de alguns principais veículos – rádios,jornais e revistas. Conheceu, como Repórter Especial do GLOBO, praticamente todos os estados brasileiros, as duas antigas Alemanhas antes da reunificação, Suiça, Austria, Portugal, França, Itália, Bélgica, Senegal, Venezuela, Panamá, Colômbia e a Costa Rica. É casado com Ana Maria e tem três filhas que já lhe deram cinco netos. Tem três paixões: a família, o jornalismo e o Flamengo. No passado, assessorou um governador, um senador, dois prefeitos e vários deputados. Comandou a área de Comunicação de Nova Iguaçu num total de 12 anos. Já produziu três livros : um para a Coleção Tiradentes, outro contando a evolução de Nova Iguaçu quando a cidade completou 170 anos, e o do jubileu de ouro da Diocese de Nova Iguaçu.