Comissão de Segurança da ALERJ debate nesta segunda-feira (26) uso de snipers por forças de segurança

agosto 25, 2019 /

 

A Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) irá realizar nesta segunda-feira (26/08) audiência pública para discutir o uso de snipers por forças de segurança. O encontro acontecerá, às 14h, na sala 316 do Palácio Tiradentes.

“O Estado precisa apresentar à sociedade sua preponderância a cerca da segurança pública, e isso inclui aprimorar técnicas de policiamento ostensivo e de inteligência. No que tange ao aprimoramento do policiamento ostensivo, nossa audiência pública irá debater o uso dos snipers, que é constitucional e perfeitamente legal, assim como blindados e helicópteros”, declarou o deputado Delegado Carlos Augusto (PSD), que preside a comissão.

CPI da Crise Fiscal debate criação de Plano Estratégico de Desenvolvimento Econômico e Social

As diretrizes para a criação de um Plano Estratégico Regionalizado de Desenvolvimento Econômico e Social serão abordadas durante reunião da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) destinada a investigar a crise fiscal fluminense. O encontro acontece nesta segunda-feira (26/08), às 14h, na Sala 311 do Palácio Tiradentes.

Segundo o presidente do grupo, deputado Luiz Paulo (PSDB), o objetivo da CPI também é apontar soluções para que o estado saia da crise. “Nesta reunião, lembrarei da Lei 8.445/19, que deixa claro que os incentivos financeiros fiscais devem estar alinhados com o planejamento orçamentário, estratégico e de desenvolvimento do Estado do Rio”, ressaltou o parlamentar.

A reunião contará com a presença do economista da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (Uerj), Bruno Sobral, além de representantes da Federação das Indústrias do Estado do Rio (Firjan), da Fundação Getúlio Vargas (FGV), do Ministério Público do Estado do Rio (MP-RJ), do Tribunal de Justiça do Estado do Rio

 

Paulo Cézar

PAULO CEZAR PEREIRA, também chamado de PC ou Paulinho da Baixada, aprendeu jornalismo nas redações de alguns principais veículos – rádios,jornais e revistas. Conheceu, como Repórter Especial do GLOBO, praticamente todos os estados brasileiros, as duas antigas Alemanhas antes da reunificação, Suiça, Austria, Portugal, França, Itália, Bélgica, Senegal, Venezuela, Panamá, Colômbia e a Costa Rica. É casado com Ana Maria e tem três filhas que já lhe deram cinco netos. Tem três paixões: a família, o jornalismo e o Flamengo. No passado, assessorou um governador, um senador, dois prefeitos e vários deputados. Comandou a área de Comunicação de Nova Iguaçu num total de 12 anos. Já produziu três livros : um para a Coleção Tiradentes, outro contando a evolução de Nova Iguaçu quando a cidade completou 170 anos, e o do jubileu de ouro da Diocese de Nova Iguaçu.