Passa-se o ponto político em cidades da Baixada

julho 15, 2019 /

 

Região síntese dos problemas do País, a Baixada Fluminense vai ter uma grande oportunidade de dizer, nas urnas,  em 2020, um rotundo NÃO aos políticos oportunistas, populistas , demagogos e milagreiros que começam a aparecer na mídia e nas redes sociais anunciando que estão se movimentando para conquistarem o poder. Na verdade, agem para comprar um ponto político nas cidades que escolherão seus novos administradores no próximo ano. Quem melhor resume este movimento é o advogado José Luiz Teixeira, um iguaçuano histórico e conservador: ” Eles veem Nova Iguaçu com um simples “ponto político”, semelhante a um comerciante que procura um ponto para sua loja!”.

O comentário do advogado faz sentido e é uma reação sem rodeios à notícia, divulgada numa coluna de notas políticas de um outrora poderoso veículo de comunicação , de que o  deputado Renato Zaca, do PSL, eleito na onda bolsonarista com os votos da Ilha do Governador, mudará o domicílio eleitoral em breve para ….  Nova Iguaçu. Sargento da PM, Zaca vai soltar de um paraquedas que lhe será cedido pelo colega Anderson Moraes, também da bancada do PSL, sobrinho da falecida vereadora Margareth Moraes . Anderson e Zaca não querem que a professora Raquel Stasiaki, suplente de Deputada Federal, assuma o comando do partido para disputar a Prefeitura. Catarinense, Stasiaki quer manter seu ponto aberto nas eleições do ano que vem.  Em 1996, vi um filme igual a este na segunda eleição para Prefeito de Belford Roxo: também oriundo da Polícia Militar, o deputado estadual Paulo Ramos foi imposto pelo PDT aos eleitores do novo município. Ramos, um deputado atuante, teve uma votação pífia e nunca mais apareceu por lá em eleições municipais.

Em 1988, na carona do brizolismo,  deputado estadual Aluísio Gama foi para o PDT. Trocou o PMDB que lhe deu mandatos com os votos de eleitores de bairros da Zona da Leopoldina e  conquistou a Prefeitura de Nova Iguaçu com os votos do brizolismo. Não por conta de seu carisma ou programa de governo, mas pela força do populismo/brizolismo. Gama foi além: lançou o ex-Vereador Altamir Gomes e fez dele o prefeito da cidade. Altamir deixou os servidores com sete meses de salários atrasados e as ruas do município ficaram sem coleta de lixo durante meses.

Mais adiante, em 2004, a força eleitoral do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva fez do paraibano Lindberg Farias o prefeito de Nova Iguaçu. À época deputado federal pelo PSTU com os votos dos estudantes do Rio, Lindbergh trocou de legenda  no primeiro aceno de Lula para lançá-lo candidato a Prefeito numa região com uma grande população de nordestinos. Embalado financeiramente pelo PAC ( Programa de Aceleração do Crescimento), Lindbergh foi reeleito prefeito de Nova Iguaçu numa disputa com o ex-deputado federal e ex-prefeito Nelson Bornier.  Na chapa do reeleito, estava Sheila Gama, a  esposa de Aluísio que se elegeu vice-prefeita, que até então era uma primeira dama discretíssima politicamente.

Sheila governou Nova Iguaçu por dois anos e ao enfrentar novamente Bornier nas urnas, perdeu feio.  Lindbergh ganhou vida própria e, apoiado por Sérgio Cabral, elegeu-se Senador pelo Rio e Janeiro. Tentou a reeleição no ano passado, sem êxito, e agora responde a processos por corrupção na Lava-Jato. Lembro dos estrangeiros do PDT e do PT para informar, ainda, que o bolsonarismo prepara o lançamento de nomes que até recentemente eram desconhecidos no cenário político da Baixada. Em Mesquita, outro exemplo dos caronas  é o secretário estadual de Ciência e Tecnologia, Leonardo Rodrigues, que está articulando seu nome para ser o candidato do PSC do governador Wilson Witzel.  Antes da vitória surpreendente de Witzel no ano passado para o Palácio Guanabara, ninguém  conhecia o atual governador nas cidades da Baixada. Assim como ninguém sabe quem é  Leonardo Rodrigues. E quem parece que já passou o ponto também em Nova Iguaçu é o clã Garotinho: os pais Anthony e Rosinha  sumiram- e os filhos Clarissa e Wladimir não aparecem por estas bandas há meses.