Adeus 2017!!!

dezembro 30, 2017 /

Esta acabando o ano e precisamos pensar rápido em o que fazer para comemorar este novo começo de ano.
No natal passei várias dicas, receitas, sabores e muitas combinações diferentes. Precisamos pensar em algo rápido e simples para poder curtir a noite sem se preocupar com um banquete gigante.

Minha recomendação, e acredito que muitos chef’s experientes vão concordar comigo, é fazer o clássico churrasco! É tão maravilhoso e suculento que já estou sentindo esse aroma de carvão queimando, essa delicada brasa aquecendo meu rosto e ouvindo como a carne esta sendo marcada nos ferros quentes.

Já experimentei churrasco em vários lugares e aprendi diferentes técnicas e truques na hora do preparo.

Na minha opinião, a qualidade da carne tem que ser ótima, não precisa ser um corte inglês e nem japonês, pode ser um corte simples mas é imprescindível que tenha uma porcentagem de gordura intramuscular. É sempre bom ter um açougueiro de confiança que venda o corte certo.

Para o meu gosto, o melhor corte é o contra filé com uma grossa camada de gordura. Quando preparo esse corte tenho um pequeno ritual que passarei à vocês:

1. Secar a carne com papel toalha antes de temperar.
2. Pincelar uma leve camada de azeite de oliva.
3. Tempero somente com sal e minha especiaria favorita chilena, o Merkén, feito com pimenta defumada.
4. Asse na churrasqueira e desfrute com um bom vinho. (Sei que os brasileiros preferem a famosa cervejinha, mas no sul do Chile o churrasco é saboreado com uma taça de vinho.)

Está claro que existem muitas outras dicas, e como é de costume, perguntei à outros profissionais para enriquecer nossa baixada fluminense de dicas!

O chef chileno Jorge Soto, docente de gastronomia internacional e hotelaria, compartilhou algumas dicas sobre o churrasco de cordeiro conhecido como:
Asado al palo.
-A tradição do sul do chile é preparar o churrasco com carne de cordeiro, onde se espeta com um pau de madeira e entre outros materiais, como a Luma. (Luma é o nome de uma arvore tipica chilena.)
-A carne de cordeiro deve estar muito limpa e pode ser usado meio cordeiro ou inclusive um cordeiro inteiro.
-A carne pode ser colocada sobre a brasa de carvão ou lenha com uma temperatura muito alta. No sul do Chile, a posição de assar a carne é na horizontal, diferente da Patagônia que é na vertical.
-O cordeiro tem que ser relativamente novo e não pode pesar mais de 15 kg, para evitar o alto teor de gordura.
-A maior parte dos chef’s e churrasqueiros chilenos preferem temperar a carne simplesmente com sal, como também tem chef que torra farinha de trigo em uma frigideira e “cola” na carne, para conseguir um dourado perfeito.
-Também é de costume preparar um chimichurri para pincelar a carne e acrescentar um sabor personalizado.
-E para finalizar, é tradição no sul do Chile que o churrasco sempre acompanhe batatas e uma salada a base de tomate, cebola e coentro (salada chilena)

Espero que desfrutem das dicas maravilhosas de fim de ano!
Agradeço por este maravilhoso ano e a equipe do restaurante Reserva Gastronomia, pois conseguimos alcançar muitas coisas impressionantes e colaboramos diretamente com a culinária da baixada fluminense.
Desejo muito exito à equipe do site novaiguassuonline.
Feliz 2018!

Chef Andrés Rivera.