CCJ do Senado discute pacote anticrime

agosto 6, 2019 /

A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) debate um dos projetos do pacote anticrime (PL 1.864/2019), com representantes de associações dos magistrados, defensores públicos, delegados e outros especialistas em direito. Sugerido pelo ministro da Justiça, Sergio Moro, o texto traz medidas contra corrupção, crime organizado e delitos praticados com grave violência à pessoa.

Representante da Associação Juízes para a Democracia, a desembargadora do Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF-2) Simone Schreiber acredita que o pacote resultará em aumento dos encarceramentos. Ela ressaltou, porém,que as prisões não resolvem a criminalidade no país. Para a professora-adjunta da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) Carol Proner, há questões “nebulosas” no projeto do governo.

Paulo Cézar

PAULO CEZAR PEREIRA, também chamado de PC ou Paulinho da Baixada, aprendeu jornalismo nas redações de alguns principais veículos – rádios,jornais e revistas. Conheceu, como Repórter Especial do GLOBO, praticamente todos os estados brasileiros, as duas antigas Alemanhas antes da reunificação, Suiça, Austria, Portugal, França, Itália, Bélgica, Senegal, Venezuela, Panamá, Colômbia e a Costa Rica. É casado com Ana Maria e tem três filhas que já lhe deram cinco netos. Tem três paixões: a família, o jornalismo e o Flamengo. No passado, assessorou um governador, um senador, dois prefeitos e vários deputados. Comandou a área de Comunicação de Nova Iguaçu num total de 12 anos. Já produziu três livros : um para a Coleção Tiradentes, outro contando a evolução de Nova Iguaçu quando a cidade completou 170 anos, e o do jubileu de ouro da Diocese de Nova Iguaçu.