Acessibilidade: Prefeitura de Queimados promove curso de LIBRAS para servidores públicos

fevereiro 21, 2019 /

Projeto tem o objetivo de capacitar agentes municipais para prestar atendimento à comunidade surda. Aulas serão gratuitas e começam na próxima terça-feira (26)

Para garantir um atendimento digno e igualitário aos membros da comunidade surda de Queimados e cumprir a Lei Brasileira de Inclusão (Lei 13.146/2015), a Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Promoção da Cidadania, dará início ao “Projeto Pedagógico de Curso Básico de Língua Brasileira de Sinais – LIBRAS”. A iniciativa, que vai capacitar servidores públicos municipais para se comunicarem em LIBRAS acontecerá a partir da próxima terça-feira (26), às 8h, na sede da SEMDEPROC.

As aulas serão ministradas pela intérprete Conceição Batalha, mestre em educação, formada pela Federação Nacional de Educação e Integração dos Surdos (FENEIS) e professora concursada do município. Entre os assuntos abordados pelo curso estarão a história do idioma e sua importância para a comunidade surda, o alfabeto, noções de gramática da língua, expressão facial/ corporal e dactilologia (soletração em LIBRAS). Os participantes que concluírem o curso receberão certificado de 20 horas.

Para o Prefeito Carlos Vilela, a iniciativa proporcionará mais qualidade de vida ao cidadão queimadense, independentemente da forma como ele se comunica. “É um orgulho fazer parte deste momento ímpar em nossa cidade. Estamos trabalhando e capacitando os funcionários do município para oferecer a pessoa surda um tratamento igualitário e digno e uma melhor comunicação entre servidor e cidadão”, conta o gestor.

De acordo com o Secretário da Pasta, Luiz Augusto Macedo, a proposta não gerará custos aos cofres públicos. “Graças ao apoio da SEMED, que nos cedeu uma profissional intérprete de LIBRAS para ministrar as aulas, o projeto acontecerá sem ônus para o município. Inicialmente vamos preparar dois funcionários de cada órgão municipal para este contato com o surdo em sua própria língua. A intenção é aumentar cada vez mais a oferta de capacitação gratuita ao nosso corpo de funcionários e, assim, contribuir para uma real inclusão”, ressaltou o Secretário.

Reconhecida como meio legal de comunicação e expressão por meio da 10.436 de 24 de abril de 2002, a Língua Brasileira de Sinais é o segundo idioma oficial do país e a principal forma de comunicação dos deficientes auditivos.

Serviço:

Datas: 26/02; 12/03; 19/03; 26/03 e 02/04
Horário: das 8h às 12h
Local: SEMDEPROC – Rua Otília, 1.495, Centro – Queimados
Telefone: 3699-3461

Paulo Cézar

PAULO CEZAR PEREIRA, também chamado de PC ou Paulinho da Baixada, aprendeu jornalismo nas redações de alguns principais veículos – rádios,jornais e revistas. Conheceu, como Repórter Especial do GLOBO, praticamente todos os estados brasileiros, as duas antigas Alemanhas antes da reunificação, Suiça, Austria, Portugal, França, Itália, Bélgica, Senegal, Venezuela, Panamá, Colômbia e a Costa Rica. É casado com Ana Maria e tem três filhas que já lhe deram cinco netos. Tem três paixões: a família, o jornalismo e o Flamengo. No passado, assessorou um governador, um senador, dois prefeitos e vários deputados. Comandou a área de Comunicação de Nova Iguaçu num total de 12 anos. Já produziu três livros : um para a Coleção Tiradentes, outro contando a evolução de Nova Iguaçu quando a cidade completou 170 anos, e o do jubileu de ouro da Diocese de Nova Iguaçu.